Dicas

Dicas para acertar no cálculo dos materiais de construção

O cálculo dos materiais de construção, possivelmente, é a etapa mais crucial do planejamento da obra. Afinal, se não for preciso, pode te gerar transtornos no orçamento ou no cronograma.

No caso de calcular material a mais o prejuízo é quase certo, pois muitos são difíceis de serem armazenados. Isso vai te custar duas vezes, na compra do material obviamente, e também no descarte dele.

Agora, se o cálculo for em quantidade menor do que o necessário seu cronograma corre risco. Pois muitos materiais são feitos sob medida e consequentemente com prazos de entregas maiores. Caso os funcionários não consigam adiantar outras atividades a obra pode parar por completo até a chegada do material.

Desse modo, o cálculo correto vai otimizar o tempo de trabalho e o orçamento da sua obra. E apesar de parecer complexa essa etapa é mais simples do que se imagina.

Confira algumas dicas para melhorar o processo de cálculo dos materiais de construção da sua obra.

Defina os materiais que serão utilizados.

Primeiramente é necessário definir quais os materiais são adequados para sua obra. Visto que na construção a oferta de materiais é bastante alta, e cada um atende uma necessidade específica. É necessário conhecer o material e suas dimensões, para que seja possível realizar o cálculo corretamente.

Por exemplo, no caso da construção de uma parede o primeiro passo é definir qual bloco será utilizado, cerâmico ou de concreto. Definido isto, pode-se considerar a área a ser construída, desconsiderando as medidas de portas e janelas, e de posse das dimensões do produto escolhido fica simples calcular a quantidade de blocos necessários para conclusão da obra.

Considere as perdas de materiais.

Durante qualquer processo de construção é inevitável que haja perda de material. Os motivos podem ser dos mais variados como fragilidade do insumo ou até mesmo a destreza da pessoa que o está manuseando.

Pensando nisso a Gail preza pela qualidade de seus produtos do início ao fim do processo, o que proporciona um revestimento cerâmico de altíssima resistência. Além de contar com soluções completas de acabamentos para deixar sua obra esteticamente perfeita e evitar o desperdício de recortes que devem ser feitos na obra.

De qualquer forma, para não sobrar em excesso e nem faltar material é comum estimar algo em torno de 5% a 10% de material a mais. E caso a quantidade necessária não seja equivalente a quantidade disponível à venda, arredonde sempre para cima.

Utiliza a tecnologia a seu favor.

Há quem prefira os métodos de cálculo mais tradicionais como papel, lápis e uma calculadora. Mas a tecnologia têm ajudado muita gente em suas atividades e nesse assunto não é diferente.

Existem diversos sites e aplicativos para smartphones que podem auxiliar nessa tarefa. Abaixo, falamos um pouco sobre três deles.

Lembrando que os aplicativos não estão em ordem de classificação. São apenas exemplos para ajudar na busca de soluções para calcular seus materiais de construção.

O Reforma Simples oferece ao todo 14 tipos de serviços. Basta selecionar o tipo de serviço e quantidade desejada para o aplicativo calcular a lista com todos os materiais necessários.

O Construcalc é o aplicativo mais popular entre seus concorrentes e sua interface simples oferece ao todo 12 calculadoras diferentes. Além de oferecer algumas tabelas com dados técnicos que podem esclarecer muitas dúvidas.

O ConstruFácil disponibiliza gratuitamente 8 calculadoras de materiais. Embora não seja o mais completo é bastante intuitivo e atende bem para quem procura calcular os produtos mais comuns.

Enfim, o cálculo correto dos materiais de construção aumenta a precisão do seu planejamento proporcionando economia e agilidade à sua obra. Embora pareça complicado, é uma tarefa simples que faz toda a diferença no andamento do projeto.

Nós podemos te ajudar a obter o cálculo ideal para sua obra. Consulte-nos 😉

Gail Cerâmica.

Deixe o seu comentário

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.